10 dicas para retomar o ritmo do trabalho

Inúmeros profissionais passam boa parte do ano programando o que farão durante o período das férias, afinal é sempre agradável tirar uns dias de descanso, relaxar, fazer aquela viagem tão esperada, ficar com a família ou mesmo rever os amigos. Depois, é preciso retornar ao dia a dia de trabalho e reassumir as responsabilidades. Até aí não há novidade alguma. Só que durante o regresso ao trabalho, é comum que as pessoas precisem se readaptar ao ritmo das empresas e isso, muitas vezes, pode levar entre uma ou duas semanas. Inclusive, o desempenho pode até ser um pouco mais baixo do que o esperado, mas não significa falta de comprometimento do funcionário. Seguem algumas sugestões, para que o período pós-férias não se torne motivo preocupações. 1 – Tenha sempre em mente que seu trabalho possui um significado importante para sua vida e que além de ser uma fonte de renda. É, ainda, um caminho para que você mostre seu valor não apenas como profissional, mas também como ser humano. Sua profissão o ajudará a elevar a autoestima. 2 – Considere seu retorno não como um castigo, mas sim como uma oportunidade para novos aprendizados e oportunidades que influenciarão o futuro da sua carreira. Seus objetivos profissionais serão alcançados apenas quando você se fizer presente e desenvolver novas competências. 3 – Antes mesmo das férias começarem, organize suas ferramentas de trabalho. Faça, por exemplo, uma limpeza nos arquivos desnecessários que estão no seu computador. As gavetas da sua mesa estão cheias de papeis inúteis? Então, jogue o que for desnecessário e deixe tudo organizado para sua volta. 4 – Além da limpeza dos arquivos, evite deixar pendências. Caso não seja possível resolver tudo, repasse para o profissional que irá substituí-lo na sua ausência. Lembre-se também de fazer uma lista das pendências, para conferir se tudo foi solucionado ou se você precisa resolver algo. 5 – Não se apavore com seu estado inicial de inércia nos primeiros dias, após o período pós-férias. Isso é uma reação comportamental inerente ao ser humano, ou seja, resistir às mudanças. Seu desempenho melhorará naturalmente dia a dia, e quando você se der conta tudo terá voltado ao normal e até sua performance poderá superar as expectativas, visto que suas “baterias” foram recarregadas durante as férias. 6 – Converse com seu gestor para saber se ocorreram mudanças significativas na sua ausência. Dessa forma, você ficará ciente de inovações, novas determinações internas que poderão ou não impactar no seu dia a dia de trabalho. 7 – Caso tenham ocorrido mudanças significativas durante suas férias, seja objetivo e pergunte ao seu líder como você poderá adaptar-se a essa nova realidade. Trace um cronograma, lance um desafio para si e se sinta estimulado a superar suas próprias expectativas em relação a você. 8 – Quando tiver oportunidade e a ocasião seja oportuna, converse com seus pares sobre as mudanças que ocorreram. Pergunte como eles se adaptaram e que recursos usaram como, por exemplo: participação em treinamentos, leituras em livros, sites ou revistas especializados. Mas se lembre de consultar fontes sérias, profissionais que tenham comprometimento e sejam considerados referência dentro e fora da empresa. 9 – Como, provavelmente, você retornará em um ritmo mais lento é aconselhável recorrer à tradicional “lista de prioridades”. Mesmo com a mente renovada, não custa deixar à vista as atividades mais relevantes e que merecem total atenção da sua parte. 10 – As férias trazem consigo o relaxamento e, consequentemente, mudanças de hábitos. Dentre esses, destaca-se o de não se preocupar com os horários das alimentações e tampouco com o de dormir ou acordar. Por isso, dias antes de retornar ao trabalho, tente manter um ritmo aproximado do que aquele que o espera. Ou seja, volte a conferir os ponteiros do relógio e procure acordar em um horário aproximado daquele que você adotará quando voltar para a empresa. Convenhamos, é constrangedor cochilar ou bocejar  em pleno horário de expediente.

Fonte: Patricia Bispo.

Este post foi publicado emNotícias. Bookmark o permalink. Comentar ou deixar um trackback:Trackback URL.
  • Envie seu currículo

  • Vagas disponíveis